[Saiba] Como é a Ação de Fluoxetina em Nosso Organismo

Com tanta gente querendo emagrecer, não é difícil encontrar vários métodos que prometem dar resultados milagrosos e rápidos!

E hoje o tema deste artigo envolve um dos mais conhecidos: a fluoxetina, você já ouviu falar dela?

A fluoxetina é indicada por muitas pessoas por conter propriedades que servem para o emagrecimento.

Neste artigo reunimos as principais informações sobre este composto, então se você deseja conhecer um pouco mais sobre a fluoxetina este artigo é o que você estava procurando.

O Que é a Fluoxetina?

Trata-se de um medicamento famoso para emagrecimento. Ela contém um ingrediente chamado de cloridrato de fluoxetina, este é parte de um agente que é geralmente utilizado como antidepressivo.

Agora, você deve estar curioso em saber como a fluoxetina atua, certo?

Vou te explicar.

Essa medicação promove um forte estímulo de serotonina – que é o hormônio responsável pela sensação de bem-estar e prazer. Quando isso ocorre, há maior liberação desse hormônio, fazendo com que a pessoa que o consome, se sinta mais confortável e satisfeita.

É um fármaco – medicamento criado pela indústria farmacêutica. Sendo assim muito utilizada para combater doenças como:

  • Distúrbios de ansiedade;
  • Dando apoio ao tratamento de doenças como depressão;
  • Distúrbios compulsivos;
  • TPM;
  • Irritabilidade;
  • Ou bulimia.

A Fluoxetina também é conhecida como

  • Prozac;
  • Daforin;
  • Vicsel;
  • Fluxoetina;
  • Eufor 20;
  • Fludac.

Qual a Dosagem Encontrada?

A dosagem vai variar de acordo com as diferentes marcas de laboratórios. As variações existentes giram em torno de 10 e 20 mg. Do mesmo modo há diferentes quantidades de comprimidos.

Algumas caixas contêm de 14 até 60 comprimidos. E além disso, existe a possibilidade de encontrar o medicamento para emagrecer na versão em gotas.

Essas versões em gotas vão de 20 ml até 30 ml e cada gota do medicamento tem cerca de 20 ml de seu princípio ativo.

Qual o Preço da Fluoxetina?

Essa resposta envolve na verdade, a dosagem da medicação para emagrecer. Também dependerá da quantidade de comprimidos, portanto, o valor pode variar de 35 até cerca de 100 reais.

Caso você esteja se perguntando se pode comprar fluoxetina sem prescrição médica, a resposta é não!

A venda desse remédio para emagrecimento só pode ser feita, mediante receita médica específica.

As farmácias não possuem autorização para comercializar a medicação quando não há receita. Isso porque uma via precisa ficar com a farmácia – sendo exigência da ANVISA esse procedimento como forma preventiva e controladora.

Bula da Fluoxetina

Muitas pessoas sentem dificuldades para interpretar o que as bulas dizem. No caso da fluoxetina nós especificaremos.

Cada comprimido que contém 20 mg possui dosagem de:

  • 22,40 mg de cloridrato de fluoxetina. Tendo aí 20 ml de princípio ativo;
  • Acompanha também de excipiente farmacêutico – um pó que preenche a cápsula do comprimido;
  • Contém adição de amido ou de fosfato de cálcio e além desse;
  • Celulose microcristalina;
  • Talco;
  • Povidona;
  • Dióxido de silício;
  • Esterarato de magnésio;
  • Macrogol;
  • Croscaramelose sódica;
  • Metacrilato de dimetilaminoetila;
  • Dióxido de titânio.

Fluoxetina Emagrece Mesmo?

Muitas pessoas procuram a fluoxetina porque se fala bastante de seu poder de emagrecimento.

Veja bem, o remédio na verdade não foi criado para fazer uma pessoa perder peso. Mas, seus agentes atuam de forma a estimular o prazer e bem-estar, consequentemente isso tira a vontade do apetite “feroz”.

E ao tomar a medicação, inevitavelmente a perda de peso acaba ocorrendo como consequência de um efeito colateral.

É verdade que isso acaba ocorrendo em alguns pacientes, mas de maneira pouquíssimo saudável. Podendo até mesmo representar riscos para a saúde.

Fluoxetina Pode Engordar?

Sim! Nem todo mundo consegue emagrecer, e algumas vezes, um dos efeitos colaterais desse remédio é justamente o ganho de peso.

Isso acontece porque os agentes contidos nele, atingem de forma direta o SNC – Sistema Nervoso Central. Portanto, a reação pode ser contrária a desejada.

Como efeito colateral, o uso dessa medicação também pode fazer com que a pessoa tenha aumento de apetite, consequentemente por sentir mais fome, a pessoa come mais, resultando assim no ganho de peso acelerado.

Fluoxetina
Fluoxetina

Quais São os Demais Efeitos Colaterais da Fluoxetina?

Logicamente cada corpo reage de maneira diferente, embora existam sempre aqueles sintomas mais destacados. Confira quais são os possíveis efeitos colaterais:

  • Perda de apetite;
  • Aumento de apetite;
  • Sono excessivo;
  • Insônia;
  • Dores de cabeça e musculares;
  • Vômitos;
  • Desconforto gastrointestinal;
  • Alterações no paladar;
  • Ansiedade;
  • Confusão mental;
  • Alterações no humor;
  • Urticárias;
  • Alergias;
  • Coceiras;
  • Alterações na pressão arterial sistêmica.
  • Inflamação dos vasos sanguíneos.
  • Dores de estômago.
  • Diarréia;
  • Perda de memória;
  • Manchas na pele;
  • Estrias;
  • Perda do desejo sexual.

Por isso se recomenda que:

  • Não se operem máquinas enquanto estiver tomando a medicação;
  • Não dirigir enquanto estiver tomando esse fármaco;
  • Evitando também o consumo de álcool.

Pois isso podem trazer reações fatais ao indivíduo.

Fluoxetina: Contraindicações

Pessoas que sejam alérgicas ao seu princípio ativo, devem evitar a medicação a todo custo.

Outras pessoas que devem evitar fazer uso, são:

  • Indivíduos que possuem distúrbios ocular;
  • Grávidas;
  • Lactantes;
  • Diabéticos;
  • Indivíduos que apresentem histórico de convulsão;
  • Pessoas que façam uso de outros medicamentos.

A fluoxetina é indicada para pessoas que tem disfobia, ansiedade, bulimia, distúrbios obsessivos, compulsivos, de irritabilidade e depressão. Esse medicamento não foi criado especificamente para emagrecer e por isso vale o alerta!

Conclusão Sobre a Fluoxetina

Existem muitas formas saudáveis e naturais para se emagrecer. O uso da Fluoxetina, como você mesmo pôde conferir, tem associação com as patologias citadas acima e por isso não é benéfico fazer uso dessa medicação, ainda mais, sem auxílio de um médico competente.

O modo mais indicado para que uma pessoa perca peso envolve uma mudança de hábitos alimentares. Todo mundo sabe que os exercícios físicos, por exemplo, são essenciais não só para o emagrecimento, mas também para melhorar a saúde e combater doenças.

Um emagrecimento saudável é sempre o meio mais seguro para adquirir mais força, resistência física e boa estética!

Sim, é verdade que esse tipo de processo de emagrecimento leva mais tempo, mas ele produz resultados mais duradouros e qualitativos.

Se você quer emagrecer e viver com saúde, pense nisso!

Gostou desse artigo? Então compartilhe na suas redes sociais!

Recomendados: