Conheça os Segredos que Existem por Trás das Ervas Emagrecedoras

Que a alimentação é o principal fator que determina o sucesso ou não de uma dieta não é segredo para ninguém. O que poucos sabem é que ervas emagrecedoras podem ajudar muito no emagrecimento.

Muitas delas apresentam características extremamente ligadas com a perda de peso e podem ajudar a queimar aquela gordura localizada que tanto incomoda no dia-a-dia.

Elas ainda são bastante saudáveis e podem sim contribuir com a perda de peso, além de manter a saúde em dia dentro de outros processos dentro do corpo humano.

O que são Ervas Emagrecedoras?

As ervas emagrecedoras são ervas assim como outras quaisquer, porém também apresentam em sua composição algumas características e propriedades específicas que possam atuar sobre a queima de gordura.

A sua inclusão nas dietas podem também trazer resultados de maneira rápida e prática considerando que não fazem mal como outros produtos que geralmente acabam sendo utilizados pelas pessoas em busca da perda de peso rápida.

Nem todas as ervas emagrecedoras apresentam os mesmos efeitos sobre o organismo, porém todas ajudam a queimar gordura de alguma forma.

Ervas Emagrecedoras são Milagrosas?

Tire qualquer palavra relacionada a milagre ou mágica quando o assunto é dieta. No longo prazo nada disso funciona e a tendência é voltar à estaca zero na sua dieta.

É muito comum encontrar quem cria dietas malucas e restritivas e depois não conseguem aplicar justamente porque a busca era em fazer algo inviável durante um longo período de tempo. Além de inviável, aliás, essas dietas podem ser agressivas para o nosso organismo.

As ervas emagrecedoras não possuem nada que seja voltada ao milagre. Elas apenas possuem características que são diretamente ligadas ao emagrecimento e podem influenciar positivamente nesse sentido.

Isso significa que o seu uso sem uma rotina saudável sobre dieta e a prática de exercícios físicos não produzirá qualquer resultado sobre as gorduras localizadas. Elas podem sim ajudar, desde que os demais aspectos que cercam uma dieta sejam rigorosamente cumpridos.

Os Tipos de Ervas Emagrecedoras

Como você viu anteriormente, as ervas emagrecedoras não possuem necessariamente as mesmas características entre si embora todas tenham capacidade de agir sobre a queima de gordura.

Veja a seguir quais são as características diferentes possíveis entre as ervas emagrecedoras.

  • Emagrecedoras

As mais populares ervas emagrecedoras são aquelas que apresentam propriedades emagrecedoras.

Elas atuam diretamente em diferentes órgãos como intestino, fígado e fígado. Quando são ingeridas, as ervas naturais emagrecedoras conseguem dissolver as gorduras presentes internamente no organismo.

O exemplo mais popular é o chá verde que além dessa propriedade de limpeza também tem a capacidade de aceleração do metabolismo (características termogênicas).

Chá Verde
Chá Verde

Além dele outras ervas também se enquadram dentro das opções emagrecedoras. Os principais exemplos são a alfafa, a graviola, cabelo-de-milho e capim-limão.

  • Diuréticas

O segundo grupo mais popular é composto por ervas emagrecedoras diuréticas. Elas atuam sobre os rins, diminuindo a ação da cortisona (causador da dificuldade em perder peso).

O cabelo-de-milho também se enquadra nessa propriedade, mas existem outros exemplos também. É o caso do dente-de-leão, abacateiro e a salsa, por exemplo.

  • Desintoxicantes

Outro ponto importante para quem deseja emagrecer é a limpeza de impurezas presentes no organismo. A limpeza de toxinas pode ser feita através do consumo de ervas emagrecedoras com características desintoxicantes.

A eliminação dessas substâncias poderá ser feita tanto pelo suor quanto pela urina. Os principais exemplos são alfafa, chá verde, bardana, zedoária, salsaparrilha e a espinheira-santa.

  • Digestivas

A digestão é uma das principais atividades corporais quando o assunto é emagrecimento e queima de gordura. O consumo de hibisco ou zedoária podem ajudar a dissolver a gordura e facilitar a sua absorção.

  • Calmantes

A maioria das ervas emagrecedoras também ajudam a atuar como calmantes. E como isso ajuda a perder peso? Através da redução da ansiedade que, entre outros problemas, tende a aumentar o impulso e a vontade de comer.

Com maior controle sobre esses impulsos, a alimentação fica mais controlada e aqueles ataques ao armário não planejados deixam de ser algo constante.

Combinando as Ervas Emagrecedoras

Não há grandes problemas em consumir as ervas emagrecedoras, porém usá-las em conjunto pode trazer uma série de benefícios e maximizar os resultados sobre o seu corpo.

A melhor maneira de combiná-las também consiste em saber como as ervas termogênicas, desintoxicantes e diuréticas poderão se combinar e melhorar ainda mais o desempenho interno do organismo.

Não se deve, porém, confundir isso com o fato de usar várias ervas diferentes ao mesmo tempo. Esse é um erro bem comum e que geralmente se repete com frequência quando as pessoas passam a entender das propriedades diferentes.

A verdade é que colocar muitas ervas diferentes juntas causa uma competição entre elas no organismo que pode reduzir os seus efeitos. Daí a necessidade de entender como realmente combiná-las de maneira a aproveitar o máximo das suas propriedades individuais.

Veja a seguir algumas boas combinações para fazer entre ervas emagrecedoras tendo em mente que o ideal é manter a combinação por três ou quatro dias antes de trocá-las para garantir o seu efeito. As dicas foram formuladas pela nutricionista Lucyanna Kalluf e estão disponíveis no site da revista Boa Forma.

  • Chá Branco com Hibisco e Carqueja

Essa combinação é ótima para eliminar toxinas e gorduras, além de aumentar a capacidade de funcionamento do intestino, fato que contribui para melhora do metabolismo.

  • Chá Verde com Boldo e Cavalinha

Esse chá apresenta características termogênicas capazes de acelerar bastante o metabolismo. Ajudam também na eliminação das toxinas e limpeza sobre as impurezas do organismo.

  • Dente-de-leão com Chá Verde e Hibisco

Outro chá com características termogênicas que também tem bom potencial para acelerar o metabolismo e estimular a queima de gordura. Essa mistura é boa para atuar sobre açúcares e gorduras.

Essas não são as únicas ervas emagrecedoras que podem ser unidas para garantir bons resultados ao seu corpo. É possível fazer outras tantas misturas para seguir aproveitando as suas propriedades e ainda variar os sabores, impedindo que se torne algo repetitivo ou enjoativo.

Lembre-se de compartilhar esse conteúdo com os seus amigos e deixá-los informados sobre as ervas emagrecedoras.

Recomendados: